Compartilhe...
  • 238
  • 49
  • 23
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    310
    Shares

O que se pode dizer de um disco ao vivo que resgata o melhor de uma das mais conhecidas bandas de power metal de sua época? A formação do Helloween que gravou os Keeper of the Seven Keys não é apenas a melhor de sua história, mas a mais completa e entrosada.

Todos os músicos são acima da média e suas performances ao vivo demonstram perfeitamente a qualidade individual dos integrantes da banda.

Esse material ao vivo do Helloween conseguiu captar muito bem toda a magia, energia e o ótimo momento que a banda passava. Apesar de ser um álbum curto, quase 50 minutos.

O álbum foi gravado em novembro de 1988 em dois países do Reino Unido. O primeiro show em Ediburgh na Escócia e o segundo em Manchester na Inglaterra.

O disco abre com “Little Time”, extraída do primeiro Keeper. E é executada com maestria pelo grupo. A dupla de guitarras Kai Hansen e Michael Weikath está entrosadíssima. E a cozinha animalesca de Markus Grosskopf (baixo) e Ingo Schwichtenberg (bateria) não deixa brechas.

A grande estrela deste disco é sem dúvida Michael Kiske, que deixa mais do que comprovado sua posição como um dos cinco melhores vocalistas de Metal, eleitos nas minhas rodas de amigos (risos). Ao lado de ícones como Ronnie James Dio, Bruce Dickinson, Geoff Tate e Rob Halford.

Com apenas 19 anos na época, Michael Kiske demonstra uma grande desenvoltura e habilidade em suas interpretações, prova disso é a emocionante “We Got The Right”. Em seguida a clássica “I Want Out”, que ficou perfeita ao vivo. A única música do disco que não é do Keeper, “How Many Tears”, do álbum Walls of Jericho ficou ainda melhor na voz do Michael Kiske.

O Live in the U.K está para o Helloween, assim como o Life After Death está para o Iron Maiden, ou seja, um clássico dos álbuns ao vivo. O disco mostra como a banda interage bem com a platéia, que responde de forma emocionante em “Future World”, por exemplo.

A participação do público durante as músicas e as brincadeiras com o grupo só demonstram a popularidade do Helloween e o sucesso alcançado pelas duas partes do Keeper of the Seven Keys.

O ponto fraco do Live in the U.K é ter apenas sete músicas. Para um registro tão importante como esse, o disco deveria ter no mínimo umas 12 músicas. Isso para não dizer que deveria ser um disco duplo.

Para os fãs do Helloween fica apenas o saudosismo dessa época de ouro da banda. Com a morte do baterista Ingo Schwichtenberg, que cometeu suicídio em 1995 e a postura religiosa do vocalista Michael Kiske, a chance de vermos essa formação ao vivo novamente seria bem remota. Mas quase 30 anos depois o grupo se reunião para uma tour chamada Pumpkins United,  que passou pelo Brasil em 2017.

Curiosidades

Michael Kiske ao vivo

O Live in the U.K é o único registro oficial do Helloween com o Michael Kiske nos vocais;

Kai Hansen fora

O Live in the U.K é o ultimo trabalho com Kai Hansen na guitarra;

I Want Out – Live

I Want Out – Live: é o nome que o Live in the U.K recebeu na versão americana;
O logo do Helloween na versão americana recebeu um globo no lugar da abóbora. O globo exibe parte da Europa Ocidental, Central e as Ilhas Britânicas;
Na versão americana não tem a faixa Rise and Fall;
I Want Out – Live chegou na posição 123 da Bilboard Americana.

Live in the UK completo

Na internet é possível achar alguns bootlegs do Live in the Uk completo. Abaixo você pode conferir uma dessas versões. Caso o vídeo do youtube não esteja mais funcionando, me avise para atualizar.

Live in Edinburgh?

Durante a mixagem do disco no estúdio Horus em Hannover na Alemanha, a banda usou duas músicas de um show em Manchester (Inglaterra), então decidiram chamar de Live in the UK na Europa.

Ao vivo no Japão

Keepers Live: é o nome que o Live in the U.K recebeu na versão japonesa.

Frederick Moulaert

A capa do álbum foi desenhada pelo fotógrafo e artista gráfico belga Frederick Moulaert. Ele também foi responsável pelas artes dos álbuns Chameleon (1993),  Master of the Rings (1994) e The Time of the Oath (1996).

Faixas

01. A Little Time (Keeper Of The Seven Keys Part I – 1987)
02. Dr. Stein (Keeper Of The Seven Keys Part II – 1988)
03. Future World (Keeper Of The Seven Keys Part I – 1987)
04. Rise And Fall (Keeper Of The Seven Keys Part II – 1988)
05. We Got The Right (Keeper Of The Seven Keys Part II – 1988)
06. I Want Out (Keeper Of The Seven Keys Part II – 1988)
07. How Many Tears (Walls Of Jericho – 1985)

Formação

Michael Kiske (vocal)
Kai Hansen (guitarra)
Michael Weikath (guitarra)
Markus Grosskopf (baixo)
Ingo Schwichtenberg (bateria)
Jörn Ellerbrock (teclados)

Ficha Técnica

Data de Lançamento: Abril de 1989
Gênero: Power Metal
Gravadora: Noise
Duração: 49.44
Produção: Tommy Hansen
Manager: Rod Smallwood

Cronologia

  • Keeper of the Seven Keys II

  • Live in the U.K

  • Pink Bubbles Go Ape

Músicas Recomendadas

01. A Little Time
06. I Want Out
07. How Many Tears

Vamos curtir um pouco de Helloween?


Compartilhe...
  • 238
  • 49
  • 23
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    310
    Shares