Compartilhe...
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os americanos do Morbid Angel são considerados por fãs e pela mídia especializada como um dos pilares do death metal mundial, a banda surgiu em meados da década de 80 na Flórida, cidade de onde veio outras diversas pérolas do estilo. O fundador do grupo é o guitarrista Trey Azagthoth que desde 1884 leva a banda praticamente nas costas.

Em 1986 gravam “Abominations of Desolation”, mas o álbum só foi lançado cerca de cinco anos depois, já que Trey não conseguia estabilizar uma formação. E isso só foi acontecer em 1988 com a entrada do baterista Pete Sandoval e o baixista/vocalista David Vincent que já passou pelo Terrorrizer.

E assim oficialmente gravam o primeiro álbum em 1989 que foi o espetacular “Altar of Madness”, tornando-se um clássico para toda uma geração de fãs do estilo. Graças à guitarra veloz e solos destruidores de Trey Azagthoth, a bateria fulminante de Sandoval e toda a agressividade dos vocais de David. As letras e a proposta que a banda trazia era totalmente black metal, mas agradou também fãs de death metal.
O segundo álbum “Blessed are the Sick” lançado em 1991 firmou-os no cenário mundial. O play trouxe a mesma proposta musical do primeiro álbum, porém veio mais trabalhado e a parte lírica cada vez mais influenciada pelo satanismo. No mesmo ano lançam “Abominations of Desolation” uma regravação da demo de 1986 que tinha na formação do grupo além de Tray, Mike Browning (bateria/vocais) e Sterling Von Scarbotrough no baixo.

Os anjos mórbidos voltam em 1993 e com eles um novo integrante que seria peça fundamental para manter o grupo entre as elites do death mundial: o guitarrista Erik Rutan. Gravam “The Covenant”, que se tornou mais um clássico do grupo.

Com a mesma formação do play anterior, eles voltam em 1995 com “Domination” e no ano seguinte um álbum ao vivo marca a saída do vocalista/baixista David Vincent. Essa saída foi ocasionada pelas famosas diferenças musicais e ideológicas. Atualmente David é casado com a vocalista Gen da banda lunática Genitortures e também ocupa a vaga de baixista do grupo.

Muita gente questionava-se sobre a saída de David e sua importância na qualidade sonora da banda. Alguns diziam que o Morbid Angel não seria o mesmo e perderia totalmente o direcionamento musical, já que David ficou como marca registrada do grupo. Mas um novo membro foi escolhido e com isso um novo álbum é lançado.

E para espanto de todos “Formulas Fatal to the Flesh” lançado em 1997 traz um Morbid Angel revigorado e mais brutal que antes. O novo integrante Steve Tucker substituiu a altura David fazendo um bom trabalho nos álbuns seguintes como “Gateways to Annihilation” de 2000.

Em 2002 uma baixa considerável na banda. A saída do guitarrista Erik Rutan que resolve levar a diante seu projeto paralelo Hate Eternal. O Morbid Angel não coloca ninguém no lugar de Erik e segue como um trio lançando em 2003 “Heretic”.

Em 2005 David Vincent retorna a banda para fazer diversos shows pelo mundo, inclusive uma passagem fulminante pelo Brasil.

Em 2011 a banda retorna com um novo material de estúdio: “Illud Divinum Insanus” (NT.: algo como “Esta Divina Coisa Insana”). O primeiro álbum após o retorno de David Vicent à banda.

 

Gênero: Death Metal
País: Estados Unidos da América

Formação mais Recente
David Vincent – Vocal / Baixo
Destructhor – Guitarra
Tim Yeung – Bateria

http://www.morbidangel.com

Discografia

Altars Of Madness (1989)

Blessed Are The Sick (1991)

Abominations Of Desolation (1991)

Covenant (1993)

Domination (1995)

  1. Immortal Rites
  2. Suffocation
  3. Visions From The Dark Side
  4. Maze Of Torment
  5. Lord Of All Fevers & Plague
  6. Chapel Of Ghouls
  7. Bleed For The Devil
  8. Damnation
  9. Blasphemy
  10. Evil Spells

Formação:
David Vincent
Trey Azagthoth
Richard Burnelle
Pete Sandoval

  1. Intro
  2. Fall From Grace
  3. Brainstorm
  4. Rebel Lands
  5. Doomsday Celebration
  6. Day Of Suffering
  7. Blessed Are The Sick/Leading The Rats
  8. Thy Kingdom Come
  9. Unholy Blasphemies
  10. Abominations
  11. Desolate Ways
  12. The Ancient Ones
  13. In Remembrance

Formação:
David Vincent
Trey Azagthoth
Richard Burnelle
Pete Sandoval

  1. The Invocation/Chapel Of Ghouls
  2. Unholy Blasphemies
  3. Angel Of Disease
  4. Azagthoth
  5. The Gate/Lord Of All Fevers
  6. Hellspawn
  7. Abominations
  8. Demon Seed
  9. Welcome To Hell

Formação:
Trey Azagthoth
Mike Browning
Sterling Von Scarborough

  1. Rapture
  2. Pain Divine
  3. World Of Shit (The Promised Land)
  4. Vengeance Is Mine
  5. Lion’s Den
  6. Blood On My Hands
  7. Angel Of Disease
  8. Sworn To The Black
  9. Nar Mattaru
  10. God Of Emptiness

Formação:
David Vincent
Trey Azagthoth
Pete Sandoval

  1. Dominate
  2. Where The Slime Live
  3. Eyes To See, Ears To Hear
  4. Melting
  5. Nothing But Fear
  6. Dawn Of The Angry
  7. This Means War
  8. Caesar’s Palace
  9. Dreaming
  10. Inquisition (Burn With Me)
  11. Hatework

Formação:
David Vincent
Trey Azagthoth
Erik Rutan
Pete Sandoval


Compartilhe...
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •